Buscar
  • Gilberto Marçal

Parintins promove Encontro de Integração das Parteiras Tradicionais



A Prefeitura de Parintins abriu na manhã desta segunda-feira (29) o Encontro de Integração das Parteiras Tradicionais na Assistência à Saúde da Mulher em Áreas Ribeirinhas no Estado do Amazonas, no Centro Metropolitano Fametro. O evento conta com a parceria dos Governos Federal e Estadual, Fiocruz, Associação das Parteiras Algodão Roxo, entre outras instituições



Vinte e sete parteiras tradicionais de comunidade ribeirinhas e zona urbana estão inscritas a participar da programação que segue até a terça-feira.



De acordo com o subsecretário de Saúde, André Acauan, é imprescindível que o poder público integre essas parteiras ao sistema de saúde devido à importância dessa atividade que vem desde o início da história humana.



"Nós temos que entender as realidades. Algumas mulheres não têm condições de chegar ao município, há casos que a própria família não quer que a mulher venha, optam pelo parto domiciliar. Mas é preciso levar qualidade no atendimento, confiança e principalmente integrar essas mulheres como parte do sistema de saúde. Então a Prefeitura de Parintins e a Secretaria de Saúde fazem essas reuniões para que a gente possa trabalhar esses conhecimentos, elevar a qualidade nos serviços de saúde da zona rural que é uma marca da gestão do prefeito Bi Garcia", ressaltou André Acauan.


Segundo a coordenadora do programa da Saúde Rural, Elize Farias, é mais uma maneira que a Prefeitura de Parintins atua para incentivar essa prática de saúde tradicional. Entre os benefícios estão realização do parto humanizado na própria comunidade da gestante, maior incentivo ao pré-natal, além da facilitação ao parto normal e muitos outros benefícios.


"Com isso, a gente pretende fortalecer ainda mais a saúde da mulher gestante na zona rural tratando principalmente essa questão relacionada aos partes humanizados", disse Elize Farias.


A representante da Fiocruz, Raquel Jarquin, parabenizou Parintins por estar realizando essa capacitação a exemplo de outros municípios do Amazonas. Por sua vez, a diretora da Associação das Parteiras Tradicionais Algodão Roxo, Maria Erlita, salientou a importância da realização da oficina para a troca de saberes e experiências entre as participantes. "Essas 27 parteiras estão aqui em busca de aprendizado para levar para suas comunidades e isso é muito importante para nós", ressaltou.


Fotos: Márcio Costa

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo