Buscar
  • Gilberto Marçal

Desembargador manda soltar empresário preso na Operação Ponto de Parada


O empresário Sérgio Rodrigues Vianna, pai do deputado estadual Saullo Vianna (PTB), foi solto nesta quarta-feira (25), por ordem do desembargador federal Olindo Menezes, do TRF1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região). Sérgio foi preso na segunda-feira, 23, na Operação Ponto de Parada, da Polícia Federal.


A informação é do site Amazonas Atual.


Vianna foi preso acusado de suposto envolvimento em esquema de desvio de dinheiro público, em contratos na Prefeitura de Presidente Figueiredo.


De acordo com o desembargador não ficou comprovado que o empresário poderá influenciar negativamente nas investigações da PF.

Menezes afirma que não há necessidade de “condução forçada e humilhante dos investigados”, sobretudo diante da alegação de que parte dos investigados já teria sido ouvido, inclusive o empresário, que usou do direito de permanecer em silêncio. Segundo o magistrado, houve constrangimento ilegal na prisão de Sérgio Vianna.


A Operação Ponto de Parada investiga um suposto desvio de R$ 5,7 milhões provenientes de fraudes na contratação da empresa RAV Construções para transporte escolar e na aquisição de combustível pela Prefeitura de Presidente Figueiredo. Durante a operação, foram presos três pessoas, incluindo o presidente do Boi Caprichoso, Jender Lobato.


Fonte: DeAmazônia

0 visualização0 comentário